IBM explica venda de sua plataforma de marketing

Na semana passada, a IBM anunciou, em Nova York, um acordo definitivo para a venda de sua divisão Watson Marketing, plataforma que utiliza inteligência artificial para oferecer soluções de comunicação aos clientes. O comprador é o fundo de investimentos Centerbridge Partners e a ideia dos novos donos é construir uma empresa independente, e que ofereça um portfólio abrangente de produtos para atender aos maiores desafios do CMO em marketing e publicidade.

As soluções da plataforma incluem ferramentas de automação de campanhas, análise de dados e experiência dos clientes, um sistema de gerenciamento de conteúdo com tecnologia de inteligência artificial, além de diversas outras APIs. Como a transação ainda está sob revisão dos órgãos regulatórios, a IBM deu apenas poucos detalhes sobre como a negociação pode impactar algo na operação brasileira.

Por meio de um comunicado, no entanto, a companhia deixou claro que a venda da divisão está alinhada com os própositos estratégicos do grupo. “Podemos adiantar que como parte da estratégia da IBM para liderar nos segmentos emergentes e de alto valor da indústria de TI, atuamos com um modelo integrado que prioriza a inovação e a expertise em áreas como inteligência artificial, blockchain, cloud e supply chain”, diz o texto.

Dentro deste cenário, a IBM tambem aprofundou suas predileções em termos de direção de negócio. “As soluções de marketing e commerce vem sendo cada vez mais vendidas como produtos autônomos e não mais como parte central desse modelo integrado. Esse acordo definitivo assinado com Centerbridge é consistente com a nossa estratégia e acreditamos que a Centerbridge está bem posicionada para progredir com essas soluções no mercado”, finaliza o comunicado.

Nos próximos dias, a companhia deve anunciar um novo nome e identidade para a marca.

Fonte: Meio e Mensagem

LinkedIn anuncia campanha global para questionar o que é sucesso

O Linkedin estreia nesta segunda-feira (3), no Brasil, a campanha digital “Juntos Nessa”. A divulgação é uma adaptação da campanha global “In It Together”, lançada em janeiro, durante o intervalo comercial do Golden Globe Awards.

A campanha é a primeira da marca no Brasil e traz peças publicitárias feitas a partir de histórias reais dos usuários da rede social profissional. A criação é da agência americana Brands2Life.

Os anúncios, feitos com três usuários brasileiros, têm como objetivo estimular um debate sobre diferentes conceitos de sucesso e mostrar que o LinkedIn oferece suporte aos profissionais que ali estão para construção da sua comunidade, sejam eles de uma grande indústria, pequenos empreendedores ou com profissões que geralmente não são vistas na rede com frequência.

“Queremos mostrar que o LinkedIn é um espaço democrático, não só para pessoas com cargos de alta liderança. Para isso, buscamos nas histórias reais e inspiradoras de pessoas que encontraram no LinkedIn uma oportunidade de criar laços ou ainda, sua própria identidade como profissional”, explica Erica Firmo, gerente de comunicação do LinkedIn para a América Latina.

Dentre as histórias da campanha estão a de um grafiteiro, uma ex-publicitária que virou chef de comida vegana crua e uma trainee de marketing. Eles foram convidados para uma sessão de fotos e em seguida, criaram artigos para o LinkedIn respondendo à pergunta: “o que é sucesso para você?”.

Acompanhada da hashtag #JuntosNessa, a campanha circulará durante todo o mês de setembro, nos canais digitais da empresa, incluindo o Facebook, Instagram, Twitter e o próprio LinkedIn.

 

 

Fonte: AdNews