Facebook desativou 2,19 bilhões de contas falsas no primeiro trimestre de 2019

Em anúncio oficial para a imprensa, o Facebook revelou que desativou 2,19 bilhões de contas falsas no primeiro trimestre de 2019. O número impressiona ao considerar o último trimestre de 2018, quando 1,2 bilhões de contas foram banidas.

O número de contas que tomamos ações aumentou por conta de ataques automatizados, feitos por pessoas mal intencionadas e que querem criar um alto volume de contas de uma vez só“, afirma o pronunciamento.

Considerando que a rede social tem 2,38 bilhões de usuários ativos mensais, a estatística torna-se ainda mais relevante. A estimativa feita pela empresa é de que 5% dessas contas não são reais; ou seja, aproximadamente 119 milhões de contas conseguem driblar os parâmetros de segurança da rede.

Alex Schultz, vice-presidente de Analytics do Facebook, afirma que mesmo com os 2 bilhões sendo impressionantes, o foco deve ser na porcentagem que realmente consegue entrar na rede social – no caso, os 5%.

Ele explica que as duas metas da rede são “prevenir o abuso das contas falsas ao mesmo tempo que dá o poder das pessoas compartilharem conteúdo por meio de suas contas autênticas. Temos que acertar o equilíbrio entre esses dois objetivos“.

Por fim, em seu Relatório de Transparência, o Facebook mostrou a evolução de sua inteligência artificial e machine learning. Seus sistemas conseguiram detectar mais de 95% dos conteúdos ofensivos antes deles serem reportados por usuários.

A porcentagem é bastante similar à dos trimestres anteriores, mas com um detalhe interessante: o número de conteúdos bloqueados caiu de 24,6 milhões para 19,4 milhões.

Apesar da melhora na identificação de posts problemáticos, a rede social reconhece que precisa melhorar a detecção de discurso de ódio – apenas 65% do conteúdo é encontrado antes de ser reportado; ainda assim, o número é 24% maior do que há um ano.

Fonte: The Enemy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *